Bordado

desvelo sem fim

os novelos de mim

 

anunciando o novo dia

como quem termina uma lida

 

cortando os fios do absurdo

como quem bebe absinto

 

gritando rouca ao sem-fim dos mundos

como quem gira no carrossel dos loucos

 

desvelo sem ter

o bordado a tecer

 

apenas riscando

opções de viver

 

[© Rosy Feros, 1999]

 

 

Contato

Rosy Feros
São Paulo, Brasil

<© 2008 - 2017, Rosy Feros. Direitos Autorais Reservados. Textos e imagens licenciados sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito à autora original ("Rosy Feros")

Crie um site grátis

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!